Adicione à sua página inicial

Se você quiser adicionar esse aplicativo à tela de início, toque em e então em ‘Adicionar à Tela de início’.

Fratura na perna ao desconectar uma mangueira

  • O que aconteceu?

    Três operadores tentavam desconectar uma mangueira de 3 polegadas conectada a um catalizador.

    Para ejetar o conector, a mangueira foi pressurizada com nitrogênio a 200 libras por polegada quadrada/13,61 atm.

    Um operador segurou a extremidade aberta da mangueira com seu pé direito.

    Quando o conector se soltou, a mangueira saiu debaixo do pé do trabalhador, atingindo seu tornozelo esquerdo e quebrando o osso de sua canela.

    A mangueira de 3 polegadas desconectada. O pé direito do operador segurando a extremidade da mangueira
  • Por que isso aconteceu?

    A energia pneumática armazenada na mangueira conectada fez com que ela recuasse quando a pressão foi liberada.

    O método de trabalho não foi seguro - o trabalhador estava na linha de fogo da mangueira.

    Os trabalhadores não pensavam que a energia pneumática armazenada na mangueira conectada era um risco.

    A extremidade aberta da mangueira onde o operador colocou seu pé direito
  • O que eles aprenderam?

    Reconheça o perigo de energia pneumática armazenada.

    Modifique práticas e processos de trabalho com mangueiras para lidar com os riscos da energia pneumática armazenada.

    Forneça diretrizes claras de como solucionar problemas ao desconectar mangueiras.

    Um conjunto de tubos contendo nitrogênio e vapor localizado na parte inferior da linha enlameada na torre principal de fracionamento
  • Pergunte-se ou pergunte à sua equipe

    Quais outras ações poderiam ter sido tomadas?

    Como algo assim poderia acontecer aqui?

    O que podemos fazer diferente ao desconectar mangueiras?

    Quais mudanças precisamos fazer a nossas práticas e procedimentos de trabalho hoje?

    Ask your crew - icon
Publicado em 22/02/21 46 Visitas 0 Curtidas

Ao desconectar uma mangueira pressurizada de 3 polegadas, um trabalhador segurava a extremidade aberta de uma mangueira com o pé direito. Quando o conector se soltou, a mangueira atingiu sua perna esquerda e quebrou sua canela.